Categorias
Sem categoria

Canal dentário recuperação

Endodontia. É bem possível que você nunca tenha ouvido falar desse termo. Esta é a especialidade que trata das lesões e doenças na polpa e na raiz do dente. Popularmente conhecida como tratamento de canal, a endodontia é indispensável para livrar o paciente de problemas mais complexos, como infecções e até a extração dental.

Quando falamos dos tratamentos de canal, uma dúvida que surge com frequência nos pacientes é: que precauções e cuidados devo ter após esta operação? Neste artigo, esclarecemso isso e ainda mostramos um passo a passo do tratamento endodôntico. Vamos lá?

Porque é importante realizar o tratamento de canal?

Se o seu dentista lhe indicou o tratamento de canal, provavelmente ele encontrou alguma lesão mais séria no nervo (polpa) de algum dente e por isso tratar o problema com antecedência irá evitar o surgimento de outros como dores intensas, inchaços, infecções e até febre ou incômodos nas articulações da boca.

Saiba Mais: Clínica Odontológica BH

Quando o tratamento de canal não é realizado, o paciente pode acabar tendo que extrair o dente, procedimento que além de afetar a autoestima, pode levar a necessidade de um implante dentário.

A boa notícia é que, hoje em dia, com o avanço da odontologia, os tratamentos de canal são realizados com muito menos desconforto para o paciente e, em alguns casos, podem ser concluídos em apenas uma sessão.  

 

Como é feito o tratamento?

É feita a remoção da polpa (tecido que se encontra na parte interna do dente) esterilização e preenchimento com material restaurador. O primeiro passo deste procedimento envolve a abertura do dente e remoção da parte infeccionada. Em seguida, o espaço da polpa é expandido e modelado para recebimento do material restaurador.

Em alguns casos, é utilizada uma restauração temporária para proteção do dente quando há necessidade de mais de uma visita ao dentista. Por fim, o tratamento é finalizado com o preenchimento permanente da cavidade da polpa e dos canais do dente. Pode ainda ser necessária a colocação de coroas com o objetivo de dar uma aparência natural ao dente restaurado.

 

Quais os cuidados devem ser realizados após o tratamento?

Embora seja um procedimento comum nas clínicas odontológicas, trata-se de um procedimento cirúrgico, então exige alguns cuidados para que o tratamento seja um sucesso e o dente fique completamente recuperado. Veja os principais:

 

EVITAR ALIMENTOS DUROS E DAR ‘REPOUSO’ AO DENTE

Não mastigar alimentos duros na região em que foi feito o tratamento de canal, sobretudo nas primeiras semanas após o tratamento, deixando o dente tratado em repouso, é muito importante para evitar fraturas ou mesmo para não expor as restaurações provisórias que são utilizadas em alguns casos.

 

CUIDAR DA HIGIENE BUCAL NORMALMENTE

Manter escovações diárias e o uso de fio dental, que devem ser realizadas com suavidade na região tratada, é outro passo importante para evitar o surgimento de infecções ou cáries capazes de retardar o fortalecimento do dente.

Rede Sociais: https://www.facebook.com/G2-Portal-de-Noticias-103955877864969/ https://twitter.com/g2portaldenoti1

 

ATENÇÃO A MEDICAÇÃO DETERMINADA PELO SEU DENTISTA

Em algumas ocasiões, seu dentista pode indicar o uso de analgésicos e anti-inflamatórios após o canal. Eles são importantes aliados para os casos em que surgirem incômodos ou dores até a conclusão do tratamento.

 

FAÇA O CONTROLE DO SEU TRATAMENTO DE CANAL

Por fim, visitas regulares ao dentista são sempre recomendadas para que ele possa acompanhar a evolução de seu tratamento, dos sinais da lesão ou se há outros problemas clínicos que devem ser tratados. Sendo assim, se você já realizou um canal e quer marcar uma consulta de acompanhamento ou mesmo suspeita da necessidade do tratamento, não deixe de buscar um profissional qualificado que poderá lhe orientar da melhor maneira possível.

FONTE: https://www.r7.com